LIKE

Fertilização das Plantas

Plantas: Substractos e Suplementação




 
Embora muitas vezes considerados muito difíceis para o início hobby, os aquários plantados são realmente ideais para qualquer iniciante. O grande número de factores necessários para o crescimento das plantas e a sua saúde podem parecer difíceis no começo, no entanto, podem-se amplamente classificar estes factores em três categorias distintas:
  1. substractos
  2. pH / dureza
  3. e suplementos

 Então, a tarefa de decidir o que é necessário torna-se mais administrável.


Substractos

Comece com cascalho de alta qualidade, rico em minerais, como o Ada Aquasoil e Special Sand para estabelecer as bases para o sucesso futuro. Embora um cascalho de baixo custo possa economizar dinheiro no curto prazo, este custo será mais alto pelo necessário uso de suplementos para compensar as deficiências de nutrientes de tais cascalhos. Com cascalho de qualidade, pode-se, na verdade, apenas adicionar alguns peixes e tem um aquário de plantadao de sucesso. Não é provável ganhar nenhum prémio, mas a simplicidade global de manutenção vai apelar até mesmo para os amadores.
Para aqueles que desejam um crescimento mais rápido e plantas ricas, aqui está como levá-la ao próximo nível.

Características

O ambiente natural de algumas plantas, como as Cryptocoryne, é mole enquanto outras, como a Sagittaria Subulata nasce em águas duras.Para as plantas de água mole: Se a água da torneira é dura, terá de torná-la mais mole usando um sistema de RO, como o filtro de água da torneira, ou através da compra de água já dismineralizada / dezionizada.
Uma vez que a água mole, ajuste o pH e KH com ácido e/ou uma  solução alcalina, e em seguida com GH Equilibrium, conforme necessário.
Muitas plantas aquáticas moles crescem muito bem em num ambiente de água dura, assim, se a fonte de água é dura, pode valer a pena experimentá-lo primeiro para ver como as plantas reagem. Se o fizerem bem, então desmineralização não será necessária.
Para as plantas de água dura: a tarefa é um pouco mais fácil, pois apenas pequenos ajustes à àgua da rede presumivelmente suave seriam necessários.

Adição de Suplementos

Engloba nutrientes orgânicos (vitaminas, aminoácidos, carbono, etc), bem como micro-elementos (tal como o ferro, o manganês, o níquel e o cobalto).

Eu recomendo começar com Flourish e / ou Flourish Tabs. Estes fornecem uma ampla gama de micro-nutrientes, juntamente com micro e oligoelementos que irão melhorar a saúde e o crescimento das plantas. Durante o crescimento substancial, os oligoelementos são utilizados frequentemente de forma mais rapida do que outros componentes Flourish.
Neste caso, seria vantajoso também empregar juntamente com Flourish Trace Floretos e / ou Flourish Tabs.
Os requisitos de nutrientes das plantas, as taxas de utilização, e água da rede podem variar drasticamente, foi determinado que a abordagem ideal para suplementação é a de separar cada componente, de modo que cada um possa ser administrado individualmente, conforme necessário. Os cinco principais parâmetros que precisam de maior controlo directo podem ser fornecidos com os produtos como: Flourish Nitrogénio, Flourish Fósforo, Potássio Flourish, Flourish Excel (carbono), e Flourish Ferro.
Todos são essenciais para as plantas, para o seu crescimento e energia.

Adição de CO2

Como a disponibilidade de carbono é normalmente o factor limitante para o crescimento, além de dióxido de carbono (CO2) para um aquário plantado sempre resultará num grande aumento no crescimento (assumindo que os outros elementos críticos não faltam).

Sem CO2 adicional da taxa de crescimento será dependente da velocidade à qual o CO2 atmosférico se equilibra na água. O CO2 irá dissolver-se na água livre de CO2 a um nível que depende da pressão do ar, a temperatura, pH, bicarbonato e / teor de carbonato do água.
A concentração final de CO2 na água depende inteiramente destes factores.
Uma vez que a concentração é atingida, o nível de CO2 não muda, a menos que as plantas a removam ou que um dos outros factores seja alterado.
As plantas removem o CO2, a uma taxa muito maior do que a taxa à qual ele se equilibra na água.
Porque o CO2 é um componente integrante do sistema de tampão de bicarbonato, uma queda no CO2 irá necessariamente resultar em um aumento do pH.
À medida que o pH aumenta o afluxo de CO2 atmosférico vai se diminuír pela sua conversão em bicarbonato.
Isto é compensado por um pouco de água dura e pelas plantas que podem utilizar bicarbonato directamente. No entanto, sem mudanças de água de rotina ou adições de buffer (buffer alcalinas ou tampão alcalino líquido) este caminho acabará por levar à completa destruição da KH (carbonato de dureza), que irá resultar em variações de pH dramáticas do dia para noite (5,7 - 9,6).
Usando um sistema de injeção de CO2 irá evitar esta situação, fornecendo uma fonte constante de CO2.
Devido à introdução de CO2 irá baixar o pH, a pessoa tem duas opções:

    
Monitorar e calibrar a taxa de adição de CO2 para corresponder com precisão a utilização pelas plantas.



    OU


    
Usar um sistema de medição de pH feedback.Um sistema de medição é ideal porque, como o pH cai abaixo de um certo ponto, o CO2 é desligado, evitando-se assim que o pH caia de forma catastrófica.
O aquário de água doce Comunitário, caso não esteja completamente pronto para o investimento inicial em num sistema de injeção de CO2, mas ainda gostaria de desfrutar de alguns dos benefícios da adição de carbono adicional, há uma alternativa: Flourish Excel.
Flourish Excel é um suplemento que proporciona uma molécula de carbono orgânico simples (semelhante ao que é descrito acima na discussão da fotossíntese) de que as plantas podem usar como um bloco de construção para hidratos de carbono mais complexos.
Porque Flourish Excel é uma fonte de carbono orgânico não tem impacto no pH. Mesmo que já esteja a utilizar um CO2 pode ainda obter um benefício acumulado se usar Flourish Excel em conjunto com o CO2.

Glossário:

pH - uma medida do teor de ácidez da água. Com um intervalo de 1-14, os números menores de pH se traduzem em maiores níveis de acidez com um pH de 7 ser neutro KH - uma medida do teor em carbonato e bicarbonato da água. Porque os carbonatos são como tampões de pH, vai achar que KH e pH geralmente sobem e descem juntos.
GH - uma medida do conteúdo de cálcio e magnésio da água.
Para que tanto o KH e o GH tenham valores baixos correspondendo a valores "suave", e a valores altos - 'hard'
RO - abreviação de Osmose Inversa, um método de desmineralização.
Este nível de pH / Dureza, pode ser optimizado com buffers e sais minerais.



(by http://www.liveaquaria.com/PIC/article.cfm?aid=203)


Mais info:http://www.adana.com.my/products/liquid_system.htm


Se gostou do post clique em Gosto!
Visite-nos também no Facebook em: https://www.facebook.com/pages/Aquahobbie/406740292679573?ref=hl
(by Aquahobbie)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...